Software

O que é Photoshop e como aprender a usar

Tudo o que você precisa saber para começar a usar esse software que possui inúmeras funcionalidades para edição e criação de imagens.

Jul 27, 2022

O Photoshop foi criado por Thomas Knoll em 1987 e hoje é um dos editores de imagem mais utilizados no mundo. O software se desenvolveu bastante desde sua origem e atualmente faz parte da rotina de muitos profissionais. De artistas a empreendedores, as inúmeras funcionalidades do programa atendem às mais variadas demandas.

Para conhecer um pouco mais sobre o que é o Photoshop, quais são suas possibilidades de uso e como começar a trabalhar com o software, conversamos com Alex Affonso, Global Sales Enablement Trainer na Adobe e professor dos cursos de Photoshop e Profissão: Designer Gráfico aqui na EBAC.

O que é o Photoshop e para quê serve?

O Photoshop é um software da multinacional americana Adobe Inc. usado para edição de imagens, criação de arte digital, design gráfico e animações.

A multiplicidade de usos do software faz com que o Photoshop seja uma ferramenta de trabalho para diversos tipos de profissionais. O programa pode ser utilizado por designers gráficos e web, fotógrafos, artistas, entre outros que necessitam de ferramentas para edição e criação de imagens digitais.

Quais as aplicações do Photoshop?

Sejam profissionais ou amadores, pessoas que trabalham com artes e criatividade utilizam bastante o software em seu dia a dia. O Photoshop pode ser usado para edição e retoque de imagens, criações gráficas, inclusão de efeitos especiais e, em um nível um pouco mais básico, também permite a criação de animações e edições de vídeo.

Fotografia

Na fotografia, o Photoshop pode ser usado para ajustes de nitidez, correção de cores e edições mais complexas. Nele é possível criar diferentes camadas de edição, permitindo que a fotografia seja editada em seus mínimos detalhes.

O programa pode ser usado tanto para retocar pequenos defeitos em uma foto ou fazer ajustes de iluminação, quanto para recortar elementos de uma imagem e colocá-los em outro contexto.

Por exemplo, você pode usar o Photoshop para recortar um gato de uma foto e colocá-lo como um astronauta. Dependendo da sua habilidade com o software, você pode fazer com que a nova imagem até pareça real!

As edições e manipulações de imagens feitas com o Photoshop ficaram tão famosas que o nome do programa se tornou um “verbo popular”. É normal ouvirmos que uma foto foi “photoshopada”, indicando que a imagem sofreu alterações e retoques no programa.

Design gráfico

O Photoshop também é um grande queridinho de designers gráficos. Profissionais dessa área utilizam a ferramenta para criação de peças para redes sociais, websites, materiais publicitários e impressos, criações 3D, design de produtos e embalagens, entre outras peças gráficas que fazem parte do seu dia a dia.

Ilustração

Os inúmeros recursos de brushes (pincéis), lápis e canetas, além das diversas possibilidades de coloração, fazem do Photoshop uma excelente ferramenta para quem trabalha ou deseja trabalhar com ilustrações digitais. Seus recursos permitem criações de formas, linhas, cores e texturas que suprem as demandas de quem trabalha com esse tipo de arte.

Tangerina, ilustração de Gio Carvalho
O tempo que os planetas falavam, ilustração de Gio Carvalho

Motion Design

Apesar de não ser a forma de uso mais famosa do programa, o Photoshop também oferece recursos de animação que permitem a criação de motion design. O programa conta com a função timeline (linha do tempo), que facilita a criação de uma sequência de quadros (frames) para serem animados.

Tipos de versões

Além de receber atualizações anuais, com inclusão de novas funcionalidades e ferramentas, contando com diversas versões diferentes ao longo de sua evolução, o Photoshop também possui versões paralelas, que funcionam de forma independente do software principal.

Photoshop Elements

Essa é uma versão “menos potente” do que o Photoshop normal. A versão Elements é mais compacta, com menos funcionalidades, que busca atender um público mais iniciante e amador que deseja utilizar a ferramenta para edições de foto e algumas criações gráficas.

Por ser uma versão compacta, a ferramenta apresenta algumas limitações. Por exemplo, ela não é indicada para quem deseja fazer criações para impressão, uma vez que não salva arquivos com a configuração de cores CMYK (configuração de cores usada em arquivos gráficos impressos).

Para quem está começando, esta pode ser uma boa opção de software, pois a sua licença é comprada integralmente, diferente do Photoshop que só pode ser adquirido por uma assinatura mensal.

Lightroom

Também podemos citar o Lightroom entre as “versões” do Photoshop. O nome oficial desta ferramenta é Adobe Photoshop Lightroom, por isso faz parte dessa família. Este é um software de gerenciamento e edição de imagens.

Diferente do Photoshop e do Photoshop Elements, no Lightroom é possível fazer a gestão e edição de diversas imagens ao mesmo tempo. O programa processa automaticamente os metadados das imagens, fornecendo informações como a câmera utilizada, ISO, balanço de branco, entre outras informações que uma fotografia pode carregar, o que é muito mais prático de se analisar e utilizar do que no Photoshop.

No Lightroom também é possível realizar ajustes e correções de iluminação, coloração e, até mesmo, alguns pequenos retoques nas fotografias. Porém, apenas no Photoshop é possível fazer edições mais complexas e inclusões artísticas, como montagens e colagens.

Photoshop Express

O Photoshop Express é a versão em aplicativo móvel do programa, disponível gratuitamente para dispositivos iOS, Android e Windows. Essa também é uma versão mais simples do programa, mas que permite edições de imagem como ajustes de iluminação, inclusão de textos e remoção de manchas.

Com um pouquinho de criatividade e treino, todas as versões do Photoshop podem trazer resultados bastante interessantes!

Por que aprender a usar o Photoshop

A ferramenta é essencial para quem precisa divulgar e expor ideias e conceitos em imagens. Se você já trabalha ou pretende trabalhar com criatividade e artes criativas, o Photoshop é uma ferramenta que vai te ajudar bastante.

E até mesmo para profissionais que não estão diretamente envolvidos com artes criativas, mas contam com sua participação no seu dia a dia, como empreendedores, a ferramenta vai te ajudar a impulsionar a sua carreira ou o seu negócio.

Por exemplo, se você empreende, criações no Photoshop podem te ajudar a mostrar melhor o seu negócio para o mundo, com imagens e uma identidade visual única. Ou então, se você não empreende mas trabalha com criatividade, incluir os conhecimentos em Photoshop no seu currículo será um ponto muito importante para o seu currículo.

Por onde começar a aprender Photoshop

Se você deseja incluir o programa em sua lista de habilidades, comece aprendendo suas funcionalidades básicas e como utilizar suas principais ferramentas. Ao ter um conhecimento sólido sobre os fundamentos do Photoshop, você poderá se aprofundar nas práticas que mais fazem sentido para o seu tipo de trabalho.

Você pode dar os seus primeiros passos com a ferramenta com alguns conteúdos e tutoriais on-line: a própria Adobe oferece muitos tutoriais em seu site e em seu canal do Youtube. Você também pode optar por cursos que ensinam como usar o programa, como o curso de Photoshop do professor Alex Affonso na EBAC, que ensina a utilizar a ferramenta desde as suas funcionalidades básicas até às edições mais complexas.

As ferramentas e possibilidades de uso do Photoshop são realmente muitas, tanto que o software atende às demandas de diversos tipos de profissionais. Isso significa que sempre há algo novo para aprender, mas o importante é começar e se manter sempre praticando.