Marketing

Social media manager: o que é, responsabilidades, salário e como se tornar um

Descubra tudo sobre essa profissão que está em ascensão

05 de abril, 2022

Marketing

Social media manager: o que é, salário, responsabilidades e como se tornar um

Descubra tudo sobre essa profissão que está em ascensão

05 de abril, 2022

Atualmente, muitas empresas estão presentes nas redes sociais. A multinacional Amazon, por exemplo, possui perfis no Instagram, TikTok, Facebook, Twitter e LinkedIn. Até mesmo pequenas companhias, como sorveterias, são fáceis de encontrar no Instagram, que é a plataforma onde elas mostram os seus serviços.

Em pequenas empresas, é incomum ter um profissional totalmente dedicado à gestão das redes sociais. Geralmente, alguém de função mais administrativa acaba incorporando essa tarefa. Já em médias e grandes companhias, existem profissionais que se dedicam a isso: o social media manager, também chamado de gestor de mídias sociais. No dia a dia, ele faz publicações, lança anúncios, analisa resultados, entre outras funções.

Para falar mais sobre essa profissão, nós conversamos com a coordenadora sênior de social media da agência Rocky, Daiane Vilas Bôas, que também é uma das especialistas do curso Profissão: Social Media Manager da EBAC.

O que é um social media manager

O social media manager é o profissional que entende de redes sociais e é responsável por gerenciá-las. Ao contrário do que se possa imaginar, o papel de um social media manager vai muito além de fazer publicações no Instagram, TikTok ou Twitter. O profissional participa de diversos processos, entre eles:

  • Definição de qual rede social faz sentido uma empresa estar presente;
  • Decisão sobre como a empresa vai atuar dentro de cada plataforma;
  • Escolha do conteúdo que vai estar nas redes sociais;
  • Definição do formato de cada publicação: vídeo, reels ou um texto com uma imagem.

    As empresas estão nas redes sociais porque têm objetivos para alcançar. Maximizar o número de seguidores para que eles se tornem clientes e fazer com que o público compre produtos a partir dos conteúdos publicados são alguns exemplos de metas que elas podem ter.

    Para atingir esses objetivos, o social media manager estabelece diferentes estratégias. Daiane exemplifica: se a meta da empresa é ser uma marca mais conhecida, uma das estratégias pode ser a de fazer parcerias com pessoas que fazem sucesso nas redes sociais, os chamados influenciadores digitais.

    Os influenciadores, em seus perfis pessoais, falariam da marca para o seu público e uma das consequências para a marca seria ganhar seguidores e aumentar o número de interações em suas publicações, por exemplo. Essa pode ser uma forma da empresa ficar mais conhecida.

    O objetivo do social media manager é fazer com que as estratégias funcionem, gerando conexões entre a marca e o público e consolidando a empresa no meio digital.

    Como se tornar um social media manager

    No geral, para se tornar um social media manager é preciso passar por alguns processos: fazer um curso superior e/ou complementar, ter interesse em redes sociais e ir atrás de experiência profissional na área.

    • Curso superior

    De acordo com Daiane, não há uma faculdade específica para se tornar um gestor de redes sociais.

    “Ser social media manager nada mais é do que você trabalhar com comunicação. Então, faculdades como a de publicidade e propaganda, marketing e jornalismo vão facilitar o caminho porque as habilidades exigidas para essas profissões são as mesmas para o social media manager como escrever e pesquisar”, explica Daiane. Falaremos dessas duas habilidades mais para frente.

    • Interesse em redes sociais

    Se a pessoa gostar de redes sociais, essa característica pode facilitar o desempenho dela como social media manager.

    Se ela é usuária do Instagram, por exemplo, a familiaridade com a plataforma poderia ajudá-la a construir melhor as estratégias. Isso porque ela já teria ideia das ferramentas disponíveis, quais formatos de publicações são possíveis de se fazer e quais conteúdos são produzidos.

    Com essas informações prévias, ela já saberia como usar os recursos disponíveis ao seu favor no momento de trabalhar profissionalmente com redes sociais.

    • Cursos complementares

    Juntando as habilidades aprimoradas em cursos da área de comunicação com o interesse em redes sociais, a pessoa que deseja construir uma carreira como social media manager pode complementar os seus conhecimentos com cursos específicos na área, como o da EBAC.

    No curso Profissão Social Media da EBAC, por exemplo, o estudante passa a saber como definir e segmentar o público-alvo, entende como analisar métricas, domina técnicas de copywriting e aprende a impulsionar publicações. Além disso, o estudante desenvolve projetos que poderão enriquecer o portfólio profissional.

    • Experiência profissional na área

    Hoje é comum encontrar ofertas de estágios e vagas de emprego para social media manager. Ir atrás de oportunidades que a pessoa coloque na prática os seus conhecimentos e tenha contato com pessoas da área permitirá que ela cresça profissionalmente.

    Portanto, quem tem o objetivo de seguir nessa área, pode ficar atento às vagas para começar a construir a sua carreira.

    Habilidades importantes para um social media manager

    Para ser um profissional que trabalha com redes sociais, é preciso ter habilidades como a de escrever bem, saber pesquisar e ter uma visão analítica.

    • Escrever bem

    Ter uma boa escrita significa saber estruturar bem um texto e ser versátil.

    Estruturar bem o texto é saber escrevê-lo de acordo com as regras gramaticais e construir frases que fazem sentido. O texto é uma das formas com que o social media manager vai se comunicar com o público nas redes sociais e fazer relatórios, portanto, é importante construí-lo de maneira clara.

    A versatilidade na escrita é importante porque um mesmo profissional pode atender empresas de segmentos diferentes, o que demanda um estilo de escrita para cada uma.

    Relatório ilustrativo de um social media manager

    Por exemplo: os textos das redes sociais de um escritório de advocacia talvez sejam bem mais formais do que os das redes de uma loja de sapatos. Se um único profissional atende as duas instituições, é necessário que ele saiba fazer bons textos para ambas as empresas.

    • Saber pesquisar

    Manter as pesquisas sobre redes sociais em dia é importante porque ajudará o profissional a construir melhor as estratégias para atingir os seus objetivos.

    As redes sociais recebem constantes atualizações em seus sistemas. É preciso que o profissional esteja a par dessas mudanças, já que isso influencia diretamente o seu trabalho. Por exemplo: saber que vídeos estão fazendo mais sucesso do que artes estáticas no Instagram ajuda o social media manager a entender que investir em um formato de mídia vale mais a pena do que em outro.

    Além disso, é necessário que ele esteja por dentro do que e quem está fazendo sucesso nas redes sociais. Essas informações podem se tornar referências e o ajudam a implementar as suas estratégias.

    Há ferramentas que podem ajudá-lo nas pesquisas como o Google Trends. Ele vai dar visibilidade ao que as pessoas estão falando e pesquisando. A partir dessas informações, o profissional pode ter ideias para as suas publicações. Para ter referências estéticas para as artes e vídeos, o profissional pode usar o Behance e o Shutterstock.

    • Visão analítica

    Para acompanhar se o que está sendo feito irá atingir os objetivos definidos, o social media manager pode contar com a ajuda das próprias redes sociais. Elas disponibilizam diversas métricas, como número de seguidores, taxa de engajamento, visualização de páginas, etc. Relatórios de acompanhamento e análise podem ser criados a partir desses números.

    Métricas do Facebook e Instagram

    Onde o social media manager pode atuar

    De acordo com Daiane, o social media manager pode trabalhar de três formas: em agências de publicidade, em empresas e como profissional autônomo.

    • Agências de publicidade

    Nas agências, o profissional fará parte de uma equipe. O trabalho pode ser desenvolvido junto com designers e pessoas responsáveis por responder os comentários das publicações, por exemplo. Aqui, o social media manager vai ter várias responsabilidades como planejar calendário de conteúdo, desenvolver os textos das publicações, definir em quais redes sociais a marca vai estar presente, entre outras atividades.

    Neste local de trabalho, o social media manager terá contato com empresas de vários segmentos. “Você pode atender um cliente que vende roupa, outro que faz sapato e outro que vende carro. Isso faz com que, em termos de versatilidade, estratégia e profissionalismo, você se aperfeiçoe, porque vai ter que pensar em estratégias, lidar com pessoas e empresas diferentes”, explica Daiane.

    • Empresas

    Quando o social media manager está dentro de uma empresa, ele pode ser um dos membros da equipe de marketing, quando a empresa é de médio ou grande porte, ou trabalhar sozinho, quando ela é de pequeno porte.

    Caso ele faça parte da equipe de marketing, ele poderá desenvolver seu trabalho junto com outros profissionais assim como nas agências. Mas, caso ele seja o único responsável pelas redes sociais, ele desenvolverá várias atividades, isto é, fazer artes, editar vídeos, responder comentários, além de produzir o conteúdo para as redes sociais.

    Ao contrário do que se faz nas agências de publicidade, o social media manager vai administrar apenas as redes sociais da empresa. “Aqui, o social media manager vai ter o desafio de pensar em estratégias diferentes para as redes sociais que podem estar reproduzindo as mesmas ideias há muito tempo. Então, isso vai exigir mais do profissional”, conta Daiane.

    • Profissional autônomo

    Para o profissional que deseja atuar como autônomo, também conhecido como freelancer, o início pode ser difícil porque muitas vezes ele trabalhará sozinho.

    Além de ter todas as responsabilidades de um social media manager, ele também vai precisar precificar o trabalho, gerar nota fiscal e ir atrás de clientes.

    Assim como nas agências de publicidade, o social media manager que trabalha de forma autônoma, tende a ter mais de um cliente e de segmentos diferentes. Cabe a ele definir quantos clientes ele prestará serviço.

    Perspectivas de trabalho e salário

    Com mais de 70 mil vagas abertas atualmente no LinkedIn Brasil, a profissão de social media manager está em ascensão. De acordo com o Glassdoor, a média salarial de um profissional que trabalha com redes sociais no país é de R$ 2.593, podendo chegar a R$ 8 mil.

    “A rede social é o principal canal de comunicação entre empresas e os seus clientes hoje em dia. Enquanto isso acontecer, esse vai ser o local onde as pessoas vão fazer estratégias. E quem faz estratégicas para as redes sociais é o social media manager”, fala Daiane.

    Não vislumbramos um futuro sem redes sociais. Elas vão se modificar, mas continuarão presentes no nosso dia a dia. Para o profissional que já está no mercado ou que tem as habilidades para fazer um bom trabalho, a carreira de social media manager é um caminho promissor a ser seguido.

    Seja um social media manager!

    Se você ficou interessado em se tornar um gestor de redes sociais, conheça o curso Profissão: Social Media Manager da EBAC. Nele, você vai aprender a produzir conteúdos, criar anúncios em várias plataformas e a promover negócios e marcas nas mídias sociais, entre outras responsabilidades. Clique aqui e saiba mais!