Marketing

O que faz um Copywriter?

O poder das palavras é decisivo no mundo dos negócios. Quais as habilidades necessárias para se tornar um bom profissional de copywriting. Saiba tudo neste artigo!
De forma objetiva, o copywriter é um profissional da área do marketing especializado em escrever textos irresistíveis, que guiem o interesse do leitor a ponto de fazê-los acrescentar itens ao carrinho de compras ou assinar um serviço de streaming.
Don Dodds, fundador da agência norte americana M16 Marketing e membro da Forbes Agency Council, da renomada revista de negócios, Forbes, sintetiza: “Copywriting é a arte de persuadir os leitores a ter determinada ação relacionada às vendas de um negócio” (em tradução livre).
As possibilidades de atuação profissional

O copywriter é antes de tudo um profissional versátil, que cria textos para diferentes segmentos do mercado. Mais do que escrever bem, um copywriter domina a escrita com propósito.
Ele é apto a escrever anúncios digitais, promovendo produtos e serviços: landing pages, banners, roteiros para web vídeos, e-mail marketing, anúncios patrocinados e posts para redes sociais. No offline, há também chance de trabalhar produzindo roteiros para comerciais de TV, rádio, cartas e vídeos de vendas. Muitos profissionais atuaram em outras áreas, como jornalismo, marketing, publicidade e até design.
Para se destacar no mercado é preciso estar apto a atuar na “nova publicidade”, isto é, ter em mente que o universo digital muda constantemente e lidamos com uma imensidão de informações. Como ser relevante em meio centenas de anúncios, Google Ads e “skip ads”?


Técnicas e estratégias de um bom copywriting
As habilidades do copywriter são construídas e aperfeiçoadas continuamente. Ele é, antes de mais nada, um profissional curioso, em constante busca de conhecimento e novas referências para seu próprio repertório criativo. Muitos profissionais vêm de outras áreas, como jornalismo, marketing, publicidade e até design, e essa bagagem com certeza irá ajudá-lo a elaborar ideias e conceitos mais interessantes.
Para essas pessoas ou para quem está iniciando na área, há um tanto de conhecimento teórico, com algumas estratégias para lançar peças e produtos fora da caixa. Veja as principais:

  • Criar uma história envolvente – o famoso Storytelling.
  • Persona: com quem o texto irá falar. Não há uma técnica de persuasão universal.
  • Definir a abordagem e linguagem que serão usados. O tom de voz coloquial é sua melhor aposta
  • Títulos fortes: eles devem ter síntese e ao mesmo tempo marcantes
  • Descubra elementos que o conectem com o leitor como, por exemplo, falar de situações do cotidiano
  • Tempo verbal: prefira usar verbos no imperativo. Isso leva os leitores a se sentirem compelidos à ação
  • Dados e pesquisas para corroborar seus argumentos e aumentar o nível de confiança no que você diz;
  • Quais as hipóteses de rejeição pelo leitor? Você deve se antecipar e criar argumentos
  • Hierarquização de informações e conteúdo para deixar o texto mais efetivo
  • O uso de repetições de forma inteligente e criativa
E, é claro, isso tudo sempre dizendo a verdade, sem nunca “forçar a barra” – valorizar a oferta, o produto, é diferente de exagerar nos seus benefícios Isso fica evidente no texto e compromete a credibilidade da marca.

Qual a diferença entre Copywriter e Redação Publicitária?

As duas áreas até se parecem, é verdade, e apesar de serem complementares, há diferenças marcantes: o copywriter usa um texto persuasivo, focado em marketing direto, e tem como objetivo entregar resultados imediatos – e, geralmente, com resultados mensuráveis. Já o redator publicitário se preocupa com toda a comunicação e promoção do produto, marca ou serviço, que deve estar aderente ao conceito criativo estabelecido.

Quanto ganha um copywriter?
Já falamos isso algumas vezes, mas vamos repetir: não é fácil estipular o salário de uma carreira. A remuneração, em qualquer área de atuação, se diferencia de acordo com a localidade, tipo de projeto, qualificação e experiência. Entretanto, de acordo com o site Glassdoor, a média salarial é de R$ 4.325.

Esta é uma carreira promissora: segundo a plataforma Trampo.co, as vagas para Copywriter cresceram 143% em 2020. O poder das palavras é decisivo no mundo dos negócios. Por isso, as empresas de sucesso precisam de um copywriter habilidoso, independente do segmento que atuem.

Pensando nisso, a EBAC lançou o curso de Copywriting. Com duração de 5 meses, ele oferece técnicas de criação para quem já tem noções básicas de texto, com ou sem experiência profissional, e quer ampliar as habilidades em diversos formatos de peças publicitárias. Tudo online, para que você estude no seu próprio ritmo.

Você é um empreendedor e quer promover seu produto ou marca? Esse curso também é para você! Transforme suas ideias em um conteúdo estruturado para conquistar o público e impulsionar os negócios.

Ao final do curso, você terá desenvolvido cinco projetos profissionais:anúncio para banco, título para carro/roupa, texto para tênis/biografia ou perfil em mídia social, ideia desformatada para franquia de fast-food e roteiro ou spot de rádio para um produto de higiene – esses trabalhos irão compor seu portfólio.

Nossos professores: Rafael Bornacina, Daniel Bensusan, Mateus Coelho e Mariana Albuquerque


Daniel Bensusan atua hoje como diretor de criação na Publicis. Redator de formação, como copywriter já ganhou mais de 100 prêmios, internacionais e nacionais, incluindo o Leão de Cannes e a estrela do anuário do Clube de Criação, além de ter participado de inúmeras publicações na Archive. Trabalhou para grandes marcas como Bradesco, Coca-Cola, Honda, Mercedes-Benz, Mizuno, Live TIM, Amil, Arno e P&G.


Mateus Coelho é Diretor de criação na Africa, atualmente. Como redator, trabalhou na agência de propaganda e consultoria de comunicação Santa Clara, e hoje é diretor de criação na Africa. Ao longo de treze anos de carreira, foi reconhecido por festivais como Cannes, D&AD, One Show e Art Director's Club. Foi selecionado para a delegação do Young Lions no festival de Cannes em 2013.


A diretora de criação Global Media Monks + Circus, Mariana Albuquerque, já passou pelas agências Publicis, Ogilvy, FCB e Rotcho Accenture (Dublin). Em 2020, foi eleita Next Creative Leader Latin America pelo One Club of Creativity. Seu trabalho já foi premiado pelos principais festivais de criatividade tais como Cannes Lions, One Show, London International Awards, Clube de Criação, Wave Festival, El Ojo. Formou-se na UnB e fez pós-graduação na Miami Ad School de São Paulo, onde teve a oportunidade de estagiar na Y&R.


Mergulhe no conteúdo criado por esse time de craques do mercado publicitário nacional, comece já o seu curso.